BaianaSystem a soma de ritmos, cultura e representatividade

BaianaSystem: o que é isso? Uma música melhor que a outra! Mistura dos ritmos de Ska Rap, Reggae, Rap Rock, Dub e Ijexá. É o desachatamento da figura de um único ritmo pulverizados em vários que ora estão isolados e ora juntos, criando uma harmonia sonora incrivelmente forte.

A banda BaianaSystem nasceu em 2009 justamente com esse objetivo de encontrar novos arranjos para compor a sua musicalidade. Para alcançar essa meta a BaianaSystem uniu a guitarra baiana – instrumento de quatro, cinco ou seis cordas, criado em Salvador nos anos 1940 e que foi responsável pela criação do trio elétrico – com o sound system, sistemas de som criados e popularizados na Jamaica. Dai o nome: BaianaSystem, soma da guitarra baiana e sound system.

Segundo informações da banda, a obra se consolidou por:

A base  inicial era a utilização de bases novas e/ou conhecidas onde a guitarra pudesse assumir o papel de “canto” nesse sistema, dividindo e dialogando com a voz. Idealizado pelo guitarrista Roberto Barreto, o BaianaSystem começa – já em 2009 – a experimentar e gravar as músicas inéditas que dariam forma ao primeiro disco lançado no início de 2010. Essa produção foi feita ao lado do baixista e produtor Marcelo Seco, e já com a presença e criação de Russo Passapusso, que representa a linguagem “sound system” desse projeto. Junto com essa construção musical, o conceito visual também se agrega com a direção visual de Filipe Cartaxo”.

Mensagem contundente e ritmo envolvente! Os diversos toques utilizados pela BaianaSystem resultam em um único espírito: será esse o Hip Hop dos anos 2020? Pode até ser, mas a banda não tem limite e nem nada muito pré determinado. Migra de algo meio rústico para o reggae, passa pelo hip hop e samba rock, enfim, música muito boa! As músicas “Água” e “Saci” traduzem bem isso que escrevo: ao ouvir, você entra no ritmo que envolve a música e mentalmente se afasta de tudo para apenas prestar atenção no som.

Os artistas dessa banda estão comprometidos em elaborar um elemento de arte e que não se separa em voz ou ritmo isoladamente, mas sim em uma única esfera.

BaianaSystem e a cultura baiana que sobressai

Salve a Bahia! A primeira capital do Brasil foi Salvador e é uma das cidades mais lindas que temos. Salvador não é mais a capital do país, mas no cenário musical brasileiro, a Bahia não se cansa de ser proprietária do Brasil.

A música “Playsom” é em português, mas a letra é melhor compreendida pelo povo baiano, já que traz as belezas dos regionalismos brasileiros. Contudo, o regionalismo não impediu a música de transcender. Alguém da EA Games passou férias na Bahia, se encantou com a qualidade da música, e ela é tema do jogo de videogame Fifa 2016 da Electronic Arts Inc.

Brincadeira 😀 ninguém tem certeza de como foi que a EA Games chegou até a BaianaSystem, mas tenho forte desconfiança de que um estrangeiro que venha para a Bahia e encontra coisas lindas como a terra, as pessoas, a cultura e a música vai embora tão apaixonado que deseja mostrar para o mundo. De qualquer forma, importa pouco como eles descobriram, pois nós já curtimos há muito tempo e todas são canções muito boas.

Os baianos e baianas ao que parece vão sempre representar muito bem a nossa música, pois são realmente diferenciados. O desenvolvimento do nosso país começou na Bahia e se multiplicou pelo país.

Além disso, o povo baiano nos diz por meio da arte que todos somos iguais, não precisamos dividir os seres que nasceram em lugares diferentes, o mundo e um só. São fantásticos mesmo! Escute aqui:


 

Representatividade na arte e nas canções

Muitos brasileiros dizem que as músicas boas morreram. Na verdade elas não morreram, estão bem vivas, o que muda é onde encontramos essas preciosidades. Isso porque algumas pessoas que não são da Bahia encontraram BaianaSystem na TV Cultura, lugar que só tem música boa. Bem como, há relatos de fãs que dizem que conheceram as músicas da BaianaSystem nas aulas de filosofia, em que o professor usou a canção: “Lucro (Descomprimindo)” para desenvolver a análise crítica da turma.

Aqueles que são descrentes da boa música brasileira, relato aqui o diálogo silencioso e interno que as canções da banda trazem na primeira vez que se ouve:

BaianaSystem: essa é a nossa arte e nós a damos a vocês.

Os descrentes: por que nos dá?

BaianaSystem: não estamos entregando nada que já não seja de vocês; a nossa cultura.

Os descrentes (e agora fãs): também temos algo que já é de vocês, o nosso coração!

Estamos todos íntimos, de alma leve e de braços dados com BaianaSystem. Empatia é ótimo, se sentir representado afasta a solitude. Em tempos de intolerância a arte segue resistindo. Poesia à Molotov!

BaianaSystem nos representa e impressiona com a musicalidade, dramaticidade e fluência das letras. Resumos de quem somos são entregues no palco e aprendemos a valorizar a nossa cultura.

Qual o valor de se sentir representado? Cantar sobre sentimento, finitude da vida, questões derrotistas sem necessariamente estar em um ambiente de dor. É um sentido mais amplo.

E seguimos ouvindo a banda e pensando na existência daquelas pequenas coisas pelas quais os homens lutam. A defesa de direitos e da cultura do nosso povo. Essa não é só uma banda, mas sim um movimento que veio para ficar.

A Tsound acredita que ritmo é tudo aquilo que flui, que se move, movimento regulado. O ritmo está inserido em tudo na nossa existência. Ele está presente na música e, principalmente na vida. No meio musical, junto com a harmonia e a melodia, consideram o ritmo, componentes essenciais de uma boa música. E representamos isso na nossa marca e na nossa camiseta ritmos, aqui.

Músicas que vestem, roupas que cantam!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *